© 2019 por Legião Identitária
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon

Vá à Barbearia

January 18, 2017

Recentemente a barbearia Dom Filippo foi vítima de um ataque histérico de uma feminista. A moça foi em uma barbearia, que é um estabelecimento masculino e qualquer um sabe disso, para exigir um corte de cabelo. Sendo educadamente negado o corte e esclarecido pelos funcionários o trabalho da barbearia, o pequeno floquinho de neve chorão começou a ter um ataque dentro da barbearia. Não bastasse isso, iniciou uma campanha de difamação na internet contra o estabelecimento, porém logo uma quantidade muito maior de pessoas apoiou a barbearia. Esse não é o primeiro caso em que feministas, que aparentam ser desocupadas, pois possuem tempo livre para perturbar quem trabalha, tentam difamar algum estabelecimento comercial. Por conta de seu fracasso pessoal tentam fazer pessoas bem sucedidas também fracassarem, inventando histórias absurdas e criando confusão onde não há. Porém as máscaras caem e a verdade é sempre revelada. 

O foco desse texto, porém, é outro. Gostaria de recomendar aos nossos curtidores homens uma ida à barbearia tradicional. Ainda que muitos possam considerar como sendo um espaço de hipster ou algo do tipo, a experiência vale muito a pena. Contarei o meu caso.

Logo ao entrar no local me impressionei com a atmosfera. Havia duas bandeiras penduradas no teto: uma da cidade e uma do Brasil. Além destas, haviam outras de Dixie (Região Sul dos EUA), de times de futebol, futebol americano e basebol. Quadros com obras de arte e desenhos old school também decoravam o ambiente. Antes do corte, me ofereceram uma cerveja e uma dose de Jack Daniel's. Ao fundo tocavam músicas country, principalmente Johnny Cash. O ambiente é exclusivo para homens. Ali você pode conversar sobre qualquer assunto sem ninguém ficar com frescura. Mesmo que a pessoa discorde de sua opinião, ela não ficará com chororô por causa disso. É um dos poucos lugares que ainda não foram afetados pela transformação de tudo em unissex, feminilizando todos os espaços e encurtando as possibilidades dos homens de privacidade. É um ambiente onde a camaradagem é cultivada. Onde você pode falar de filmes antigos, de música de qualidade ou do jogo de futebol da sua cidade. É um ambiente para homens e não para garotos. 

O corte de barba ou cabelo acaba por fim sendo como um bônus ao que significa o ambiente como um todo. Os habilidosos barbeiros fazem o serviço com qualidade: toalha quente, corte com navalha, até massagem facial para relaxamento dos músculos, impedindo que seu rosto fique irritado com o processo. A experiência é gratificante, pois o espaço nos oferece uma nostalgia de tempos em que ser Homem e a masculinidade eram atributos louváveis em nossa sociedade, ao contrário do que vem ocorrendo hoje em dia.

 

Please reload

Arquivo
Please reload

Temas
Autores
Please reload