• Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon
© 2017 por Legião Identitária

Movimento APENAS de Internet?

December 31, 2016

Muitas críticas são feitas sobre os novos movimentos políticos e culturais que surgem no século XXI, afirmando que não são efetivos pois apenas permanecem no nicho da Internet. Porém essa afirmação ignora que os movimentos políticos do século XIX e XX iniciaram-se através de canais midiáticos. A Internet de hoje é o jornal, a revista e a TV de antigamente. Através de vídeos, imagens e textos temos a possibilidade de atingir uma quantidade de pessoas que os movimentos anteriores jamais imaginavam. É através da propaganda que se alcança tanto aqueles que se identificam com o conteúdo e que ajudarão na propagação, como também potenciais membros e produtores de material. É dessa forma que o movimento consegue ganhar forma e crescer em força.


Qual a verdadeira força que um movimento pode alcançar pela Internet? Imagine que uma ideia é semelhante a um vírus. Para que esse vírus se espalhe, são necessários hospedeiros que transmitam esse vírus para outras pessoas. Existem locais onde esses vírus possuem maior grau de infecciosidade, contaminando mais pessoas que frequentam esse espaço, aumentando ainda mais a força do vírus. As pessoas que transitam por esses lugares irão levar o vírus para lugares onde ele ainda não havia conseguido alcançar. A internet funciona dessa forma. Os brasileiros ficam em média entre 3h a 9h horas na Internet, passando grande parte do seu dia neste espaço consumindo informações e, levando em conta os algorítimos de feed e anúncios que existem hoje, a informação mais acessada terá prioridade sobre as outras. Logo, as pessoas que possuem acesso a uma informação pela Internet se transformam em vetores que irão espalhar o vírus (ideia) para outros espaços fora da Internet, alcançando o debate comum no dia-a-dia das pessoas. Como a Internet é o principal meio de mídia que existe atualmente, a propaganda deve ser focada neste espaço. A Internet se apresenta como a ferramenta mais efetiva na guerra cultural e na hegemonia atualmente. Como Jack Donovan afirma:


"Na guerra cultural, todos estão lutando por uma posição privilegiada. Aqueles que fingem desprezar a hegemonia apenas objetam a hegemonia de outra pessoa. Nada é realmente uma luta pela justiça. É sempre uma luta para as ideias fundamentais de sua causa em uma posição privilegiada. É uma luta para transformar as suas idéias em uma pressuposição que as pessoas aceitarão automaticamente. Todos, de todos os lados, querem isso."


Portanto, afirmamos que um movimento que existe apenas na esfera da Internet não está em posição desfavorável. Em realidade, ele está na posição mais favorável possível. É através deste espaço que o movimento conseguirá se fortalecer, reunindo recursos para que futuramente possa explorar outros meios de propaganda e atuação, aumentando ainda mais a capacidade de expansão de seus ideais.

Please reload

Arquivo
Please reload

Temas
Autores
Please reload