BLOG

The Spirit of the Age and contemporary nihilism

One of the causes of the nihilism of our time is that Man had not found in his Spirit of the Age - his Zeitgeist. Hesiod divided the Ages of Man in 5 (Gold, Silver, Bronze, Heroes and Iron), Hindus believed in 4 Ages (Satya Yuga, Treta Yuga, Dvapara Yuga and Kali Yuga). Historians have also divided history into eras, comprising the Old Age, Middle Ages, Modern Age and Contemporary Age. We will take this mainly into account, since it takes into account the development of Man in the world, while the first two also approach the metaphysical world. We can then evidence a spirit of each of the periods of the Periodization of History. Although it is impossible to summarize an entire epoch in only

Dominique Venner: Para uma Nova Aristocracia

Seus nomes continuam a identificar as avenidas de uma capital única, embora desfigurada: Berthier, Murat, Jourdan, Masséna, Soult, Brune, Bessières e outros. Através de seu decreto de 19 de maio de 1804, Napoleão criou os primeiros catorze marechais do império, aos quais ele acrescentaria mais dez. Sim, seus nomes ainda permanecem no perímetro de uma Paris que dificilmente aprecia sua glória. Bonaparte não estava ocioso. A decisão de restaurar o posto de marechal veio vinte e quatro horas depois da reunião do senatus que lhe deu o título de Imperador dos franceses. Os títulos nobres do Ancien Régime foram abolidos em 1790. Desde a sua ascensão ao trono, Napoleão queria instituir uma nobreza

Dominique Venner: Aristocracias Secretas

Jean-Paul Sartre disse uma vez a respeito de Ernst Jünger: "Eu o odeio, não como um alemão, mas como um aristocrata." Sartre tinha alguns defeitos sérios. Em seus impulsos políticos, ele estava enganado com uma rara obstinação. Bastante covarde durante a Ocupação, ele se transformou em um Aiatolá de delações uma vez que o perigo passou, castigando seus colegas que não se comprometeram cegamente com Stalin, Mao ou Pol Pot. Junto com um instinto infalível para erro, ele tinha um sentido apurado para qualquer elevação do espírito, que o horrorizou, e, inversamente, para qualquer mediocridade, que o atraiu. Ele não estava errado sobre Jünger: "Eu o odeio, não como alemão, mas como aristocrata."

Pacifismo: uma realidade impossível

A tão sonhada paz que os arautos do pacifismo pregam, não passa de subjugação inconsciente do Ocidente aos invasores estrangeiros e extremistas islâmicos - dispensa comentários sobre o silêncio do mundo diante dos ataques sofridos nestes últimos anos, da complacência dos políticos e da própria civilização. Mensalmente notícias sobre crianças decapitadas, mulheres feitas escravas sexuais, homens executados como animais, chocam o mundo. Às vezes nem mesmo isso - tornou-se casual, só mais uma tragédia anunciada, principalmente quando se trata de minorias étnicas ou de cristãos. Sacrificam inocentes no altar do mundo desconstruído feito de purpurina e "paz & amor". Os utópicos enchem suas bocas

Guillaume Faye: Estado e Sociedade

Uma nação e um povo podem ter instituições estatais defeituosas enquanto continuam a produzir uma grande e criativa civilização. O exemplo da França - entre outros - é bastante expressivo. Em muitos períodos de sua história, este país experimentou uma organização política estatal instável que não era capaz de controlar as crises internas. No entanto, a sociedade continuou a funcionar e a produzir em todas as áreas, apesar da crise estatal em curso. Porque a sociedade era formada por uma população fértil de um povo vigoroso, que nunca se desencorajou. Examinemos o caso do período de 1815-1848 (a Restauração e Monarquia de Julho) e o da Terceira República (1875-1940). As instituições do Estado

Guillaume Faye: Dez Ideias Atemporais

Excertos essenciais de Why We Fight. TEXTO ORIGINAL. EUROPA está em guerra, mas não sabe disso. Ele está sendo ocupada e colonizada por povos advindos do Sul e sendo subjugada economicamente, estrategicamente e culturalmente pela Nova Ordem Mundial Norte-americana. Representa o homem doente do mundo. ARQUEOFUTURISMO: Consciência que compreende que o futuro surge de um ressurgimento de valores ancestrais e que as noções de modernidade e tradicionalismo precisam ser dialeticamente superadas. Para confrontar o futuro, especialmente hoje, se impõe um retorno à mentalidade arcaica que é pré-moderna, inigualitária e não-humanista, em direção a uma mentalidade que restaura os valores ancestrais e

© 2019 por Legião Identitária
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon